Projetos 

    "Os movimetos ecológicos não conseguirão salvar o planeta a partir de posições puramente intelectuais, sem que ocorra uma profunda mudança no coração e na mente das pessoas." 

- Heike Freire

 

    Diante do quadro global de ameaça ao Meio Ambiente, biólogos, cientistas, acadêmicos, pessoas comuns, grupos e ONG's,  se reunem para buscar soluções e amenizar os impactos causados ao ecossistema. Aqui veremos alguns Projetos desenvolvidos por estes eco-cidadãos engajados em idéias e práticas ambientais.

Projeto Tartarugas-Marinhas do Rio

   Anualmente, milhares de tartarugas morrem em decorrência de sufocamento por sacos plásticos, enroscamento em redes de pesca e por ingestão de lixo descartado irregularmente no mar.

   

   O Projeto Tartarugas-Marinhas do Rio, desenvolvido  pelo Laboratório de Ecologia Marinha  da Universidade Santa Úrsula no Rio de Janeiro, e coordenado pelo biólogo Bruno C. Meurer, traz uma proposta de mudar o cenário atual de praias poluídas, através de estudos e projetos de gestão ambiental marinha. 

 

Foto: Oliver Pereira

Projeto Cavalos Marinhos do RJ

   O Projeto Cavalos-Marinhos do Rio de Janeiro, desenvolvido com o apoio da Universidade Santa Úrsula, tem como objetivo a conservação dos cavalos-marinhos no litoral do estado, desenvolvendo pesquisas e trabalhos de educação ambiental com as comunidades e turistas.

 

    A frente do projeto está a coordenadora Natalie Freret Meurer, do Laboratório de Comportamento Animal da Universidade Santa Úrsula,  que em parceria com o Projeto Tartarugas-Marinhas do Rio vem trabalhando na luta contra o lançamento de lixo nas praias. 

Projeto Shark Free

   Milhares de tubarões são mortos a cada ano, colocando em risco o eqilíbrio do ecossistema marinho. Shark Free é um projeto sem fins lucrativos, que defende o fim do consumo de carne de tubarão e seus derivados e alerta sobre a pesca indiscriminada das diversas espécies de tubarões.

 

   Salvar os tubarões, não é um capricho e sim uma necessidade ambiental.

 

  Conheçam os "Embaixasharks" e mergulhem em um mundo de informações sobre estes seres que habitam a terra há mais de 400 milhões de anos.